10 Erros para Evitar no Seu Negócio Online ou OffLine

Erros para Evitar no Seu Negocio
Sem dúvida nenhuma, o “combustível” de qualquer negócio, seja ele online ou offline são os clientes que compram algum produto ou contratam algum serviço!

É deles que vem o dinheiro que paga os funcionários, abastece os estoques, financia inovações, paga todas as despesas, enfim, mantem o negócio funcionando!

O fato é que muitos empreendedores cometem alguns erros, que considero até básicos, mas que no final das contas influenciam “negativamente” na trajetória de qualquer negócio, ocasionando com o passar do tempo, estagnação ou até uma possível falência futura!

É como “escorregar na casca de uma banana”… poderia ser evitado se houvesse atenção!

Conheça 10 erros para evitar no seu negócio, desta forma, além de aprimorar o empreendimento, deixará de afastar potenciais clientes:

  1. Não seja arrogante. Todo cliente é o melhor cliente e precisa de toda a sua atenção, pode ser em uma compra de 10 reais ou de 10 mil reais, não importa, o valor da coisa está no ato da compra e não no valor do dinheiro;
  2. Não permita “panelinhas” de funcionários se seu negócio está aberto ao público, seu cliente precisa ser bem recebido. Isso também serve para negócios que envolvam familiares;
  3. Tenha sempre um horário fixo, haja clientes ou não, nunca feche antes do horário pré-estabelecido;
  4. Não deixe que novos funcionários copiem os erros dos outros, dê o exemplo;
  5. Não seja “pedinte”, deixe as coisas “rolarem” ou seja, que ocorram naturalmente e os clientes certos chegarão até você;
  6. Controle suas emoções e trate bem todas as pessoas, mesmo as que não merecem. Agindo assim você demonstra um grande valor pessoal, que é bom nos negócios e na vida em geral;
  7. Não faça o “mais do mesmo”, procure sempre novas alternativas sem perder o seu “carro-chefe”. Isto se aplica a produtos, serviços ou métodos de gerenciamento;
  8. Não deixe um cliente ir embora até que esteja totalmente satisfeito, a função do seu negócio é satisfazer seus clientes;
  9. Não permita piadas internas entre funcionários, principamente perto de clientes, pois além de antiético é antiprofissional, o riso impróprio pode ser ofensivo, mesmo que não seja intencional;
  10. No início de qualquer negócio online ou físico, seja esforçado, se precisar, trabalhe de madrugada ou em finais de semana.
    Lembre-se: Os frutos do trabalho foram sementes plantadas com esforço anterior… quanto mais sementes, mais frutos futuros!
    Isso é básico mas a maioria das pessoas não aplicam.

Então amigo(a) leitor(a), tenho certeza que você percebeu o quão básicos são estes erros… mas incrivelmente muitos empreendedores cometem eles e não se dão conta disso!

Se observar melhor, também verá que o foco está na pessoa do empreendedor e no comportamento dos funcionários…

Em um ambiente online, este último poderia ter correspondência ao tratamento que um site dispensa aos visitantes, aliás, já vi muitos sites e blogs que não medem palavras, permitem comentários debochados e até usam palavras de baixo calão… é questão de interpretação!

Para complementar, sugiro que você também leia este artigo.

Um abraço e até a próxima 🙂

Rosano Angelo

Rosano Angelo é engenheiro elétrico, empreendedor digital, entusiasta de criptomoedas e fundador do blog Oceano Virtual, espaço onde compartilha informações que possam ser úteis para empreendedores na Internet, principalmente os iniciantes nesta área.

Website: https://oceanovirtual.net/blog/sobre-oceano-virtual/

5 Comentários

  1. Elder

    Já presenciei coisas erradas assim. bom post.

  2. Concordo com tudo que vc disse. Certa vez levei meu carro em um auto-center pra consertar um problema no pisca e enquanto o mecanico mexia, dois outros acho que ajudantes ficavam de brincadeira tipo jogando uma camara de pneu vazia pra acertar um no outro. Só pararam quando o mecanico que estava no meu carro chamou a atenção deles. Tudo bem estavam longe donde estava, mas não gostei. Achei anti-profissional.

  3. Juliano

    Eu não entendi o erro 5 que diz naum ser pedinte. me explica melhor

    • Olá Juliano. Ocorre que alguns funcionários e até mesmo empresarios sutilmente “forçam” a realização de uma venda. Isto é comum em alguns comércios offline, principalmente em áreas suburbanas de grandes cidades. A nível de internet, já vi sites pedindo para o visitante clicar até nos banners ou assistir algum comercial (com AdSense) para poder fazer o download de alguma coisa que motivou o visitante estar ali. Amadorismo Puro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *