Liberdade Financeira – Liberdade de Ação!

Liberdade Financeira-Liberdade de Ação

Se estes dois homens ficassem só trabalhando como empregado dos outros, jamais alcançariam tamanha prosperidade e liberdade financeira que atingiram.

O Steve Jobs (falecido em 5-10-2011), foi um grande empreendedor na área da informática (com destaque ao hardware) e dispositivos móveis (celulares, players, etc), deixou um brilhante legado de qualidade e inovações em seus produtos.

Bill Gates, foi a “mola mestra” que impulsionou a área de software, revolucionando a informática.

Ambos contribuíram, e muito, para o desenvolvimento da informática como conhecemos!

Isso é inegável!

Se algum “crítico de plantão” diz o contrário, é porque não acompanhou a trajetória desses empreendedores!

Liberdade Financeira - 1º computador de Steve Jobs

Mencionei estas duas pessoas de repercussão mundial, como exemplos de determinação, motivação, talento e empenho.

Com toda a certeza, se eles se acomodassem em um emprego qualquer, como apenas um funcionário, provavelmente não teriam chegado aonde chegaram…

Com suas genialidades, certamente, seriam os braços direitos de seus patrões… e pronto, só isso ou talvez, Futuros Sócios… Só Deus sabe…

Mas, não se acomodaram, trabalharam duro até conquistarem seus objetivos!

Existem milhões de pessoas bem sucedidas no mundo, que se não tivessem em algum momento de suas vidas “chutado o balde”, hoje não seriam o que são…

Estariam no mesmo lugar, esperando “as coisas melhorarem”, esperando um aumento salarial, esperando a sorte chegar, esperando o próximo governo, esperando a crise passar, esperando… sempre esperando e o tempo esvaindo-se…

Mas elas buscaram sua “Liberdade Financeira”!

Em relação ao Brasil, de maneira geral, a maioria da população trabalha como empregado e não ganham o salário que realmente merecem.

São verdadeiros heróis que fazem verdadeiros milagres com seus salários!

Vendem o seu precioso tempo para na maioria das vezes “enriquecer” outra pessoa ou empresa, recebendo muitas vezes um salário mínimo ou pouco mais por mês!

Isto é um fato irrefutável!

Liberdade Financeira com Liberdade de Ação – Como Conseguir Isto?

Na minha opinião, existem sete soluções para quem deseja atingir liberdade financeira (excluindo-se um bom ca$amento ou já ter nascido em “berço de ouro”):

1- Ganhar na Mega-Sena;

2- Ser um ótimo jogador de futebol, ganhando destaque e fama;

3- Fazer carreira como político;

4- Receber uma herança milionária;

5- Passar em um concurso público (de preferência Federal);

6- Ser contratado por uma grande empresa;

7- Ter seu próprio negócio.

A primeira solução é o sonho de muitos, mas a chance disso ocorrer, jogando com apenas uma cartela simples é de 1 em pouco mais de 50 milhões, ou seja, 0,000002%. É realmente muito difícil…

A segunda solução seria tornar-se um ótimo jogador de futebol, ganhando destaque, fama e consequentemente “muito dinheiro“.

Ocorre que para isso acontecer é necessário um conjunto de fatores propícios, que atingem só uma pequena parcela de pessoas, algo como “predestinados” pelo talento, vocação e habilidades, ou seja, é difícil preencher essas qualificações…

A terceira solução, na esfera política, também dependerá de vocação e habilidades em oratória e conhecimentos específicos para conquistar os eleitores, aspectos esses que atingem novamente uma pequena parcela da população…

A quarta solução, relativa a receber uma herança milionária ou pelo menos uma boa herança, é algo que poderia ocorrer, mas não deve ser considerada como uma opção “desejada”, por motivos óbvios…

Seria desumano, antiético e até outros termos (que prefiro não dizer), alguém desejar prosperar levando em conta tal situação, além do fato de que a maioria das pessoas não tem uma “rica” herança para receber!

A quinta solução, relativa a passar em um concurso público, é bastante viável, porém, os concursos de ótimos salários exigem formação superior e a concorrência é enorme.

Já os que exigem ensino médio ou básico, não pagam tão bem e mesmo assim, a concorrência também é enorme (gigantesca em alguns casos) e com isso, diminuindo as chances de passar!

 

Liberdade Financeira através de concurso público

A sexta solução, trabalhar em uma grande empresa normalmente exige um bom currículo de qualificações profissionais ou formação universitária, critérios que a grande maioria não possui.

Então, resta a sétima solução, que acho a mais alcançável para a grande maioria dos “simples mortais”:

Ter Seu Próprio Negócio!

 

Funcionário/Empregado X Próprio Negócio

Ser um funcionário público, mesmo que bem pago, sempre terá um teto máximo salarial para o cargo exercido, assim como trabalhar em uma grande empresa, sempre existirá um limite máximo de ganhos!

Socialmente falando, seria “anormal” um empregado ganhar mais que o próprio patrão.

Talvez existam exceções a esta regra, mas eu particularmente não conheço!

Em relação a trabalhar em uma grande empresa, não importa o quão competente o empregado seja, ele sempre será uma peça totalmente substituível.

Não existe um contrato empresarial com a cláusula:

“O empregado trabalhará aqui até se aposentar”

A empresa provavelmente já existia antes desse empregado chegar e vai continuar existindo depois que ele sair!

Lógico, um bom empregado, dedicado e fiel dificilmente seria demitido, afinal, é ele que ajuda enriquecer cada vez mais o seu patrão… em troca de uma “pequena fatia” mensal pelo trabalho (ou “tempo vendido”) chamado salário!

Estas situações não ocorrem em um Próprio Negócio…

Muitos negócios começaram pequenos e com o tempo, tornaram-se milionários, pois não há limites de quanto o empreendedor poderá ganhar!

Aliás, este é um dos principais motivos que “endossam” uma pessoa a empreender, sem contar que o empreendedor nunca mais irá ouvir a frase:

 

Liberdade Financeira - Nunca mais ouvir "Você está Despedido"!

Ok. Motivos para justificar uma pessoa ter seu próprio negócio é o que não falta!

Ocorre que abrir uma empresa física demanda muitos gastos, tanto com o capital inicial como o capital de giro, tornando muitas vezes inviável este caminho.

Já, um negócio online, necessita de poucos recursos financeiros para ser colocado em prática e mantido, com um potencial de Ganhos Ilimitados.

Ganhos Ilimitados, esta é a palavra mágica que trará a prosperidade!

Na internet é possível criar e manter um negócio com 120 reais mensais, ou seja, custa muito menos que o aluguel de qualquer ponto comercial em um negócio físico.

Com 120 reais mensais é possível pagar a mensalidade de um provedor de hospedagem para o seu site (+/- 20 reais), um serviço de autoresponder (para E-mail Marketing) na faixa de 20 reais e os 80 reais restantes, investir em anúncios do Facebook Ads e Google, para promover seu negócio.

Quanto ao produto, comercialize infoprodutos na modalidade de afiliado (ou crie seu próprio infoproduto), comercialize produtos na modalidade Dropshipping ou venda seus próprios serviços (prestação de serviços)… a imaginação (e conhecimentos) serão os seus limites!

Veja outras vantagens de ter um negócio online clicando neste artigo: Por que ter um negócio online?

Com certeza um pessimista diria: Eu não tenho 120 reais para gastar por mês…

Porém, este mesmo pessimista normalmente gasta mais do que isso em pescarias com amigos, baladas aos sábados e outras coisas todos os meses (muitas vezes fúteis)… e ainda reclamam das segundas-feiras, quando “encaram” seus empregos! 

O intuito deste artigo é despertar em você o real interesse em ter seu próprio negócio, preferencialmente na internet, pois como já dito, o custo para implantar um negócio online é bastante acessível e consegue “driblar” a crise (política/econômica) que o país está atravessando!

Então, se você está enquadrado na categoria “empregado mal remunerado” ou “desempregado”, já está mais que na hora de você mudar esta situação…

Aproveite suas horas ou dias de folga e comece a estudar algum curso que te capacite a exercer algo melhor, que te proporcione liberdade financeira, liberdade de ação e prosperidade.

Dificilmente consegue-se melhores resultados fazendo a mesma coisa ou não fazendo nada para melhorar, exceto quando fatores externos nos favoreçam (mas não devemos ficar na dependência disso ou aguardar que a “sorte” nos ajude).

Você é o “senhor” do seu destino!

Eu sempre digo para os que acompanham o meu trabalho:
“Busquem a felicidade fazendo o que gostam, mas ganhando o que merecem”
Até o próximo artigo 😉

Rosano Angelo

Rosano Angelo é Empreendedor Digital, Entusiasta de Criptomoedas e Fundador do Blog Oceano Virtual, espaço onde compartilha informações que possam ser úteis para empreendedores na Internet, principalmente os iniciantes nesta área.

Website: https://oceanovirtual.net/blog/sobre-oceano-virtual/

5 Comentários

  1. Ervin

    concordo com que você disse rosano, mas acontece que muitas pessoas só sabe é ser empregado mesmo, não consegue ser mais do que isso na vida. existem os que mandam e os que obdecem. a maioria nasceu pra obdecer.

    • Concordo que muitas pessoas apresentam grande dificuldade em se tornarem empreendedoras e preferem a “segurança” de um salário fixo mensal. Mas o conhecimento e a força de vontade podem mudar isso…

  2. Juliana

    A mais pura verdade esse seu artigo, tudo depende de nos mesmo. parabéns Rosano, boa leitura pra quem so sabe reclamar do patrão e não faz nada pra melhorar sua vida, o Brasil tá cheio de gente assim que só fica esperando a sorte chegar, aguentando um emprego ruim que paga uma miseria e sempre reclamando da fatura do cartão de credito que não conseguem pagar inteiro.

    • Sim Juliana, muitos brasileiros(as) estão passando por dificuldades financeiras e seus salários não acompanham a inflação.

  3. Danilo

    Pura realidade. Ótimo post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *